Em declarações à Angop, o responsável esclareceu  se trata de cidadãos provenientes de Luanda que se deslocaram a Namibe por razões diversas.

No âmbito do processo formativo, informou terem sido enviados para Luanda três técnicos de laboratórios para serem dotados de conhecimentos para o manuseamento do equipamento de testagem.

Apelou à população a respeitar as medidas de prevenção, mantendo sempre o distanciamento em lugares públicos, o uso obrigatório da máscara e a lavagem das mãos com água e sabão.

A província do Namibe conta com centros de quarentena institucional e de tratamento e pontos de rastreios nos cinco municípios.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.