O que já se sabe

- O casal vai subir ao altar no dia 19 de maio pelas 12:00 e a cerimónia vai ser transmitida pela BBC.

- A St. George's Chapel, localizada no Castelo de Windsor, foi o local escolhido para o serviço religioso que será conduzido pelo Decano de Windsor, David Conner. O Arcebispo da Cantuária, Justin Welby, responsável por batizar a ex-atriz em março, vai oficiar o casamento.

- Apesar dos rumores que circulavam na imprensa sobre a presença de Thomas Markle no casamento, a Casa Real confirmou que o pai de Meghan Markle foi convidado para o enlace e que a vai levar ao altar. Como forma de manter viva a memória da mãe neste dia, Harry convidou os três irmãos de Diana Spencer, sendo que Lady Jane Fellowes fará a leitura durante a cerimónia religiosa.

- O Palácio de Kensington confirmou que William será o padrinho de casamento do irmão.

- Os convidados vão chegar entre as 09:00 e as 11:00 horas enquanto que os membros da Família Real só deverão começar a chegar a Windsor por volta das 11:20.

- A música da cerimónia religiosa ficará a cargo de James Vivian e contará com a presença do grupo coral da St. George’s Chapel, do violoncelista Sheku Kanneh-Mason e do coro de gospel Karen Gibson and The Kingdom Choir.

- O casal convidou 600 pessoas para o serviço religioso que deverá durar cerca de uma hora. Por volta das 13:00 os recém-casados vão percorrer a cidade de Windsor de carruagem cujo percurso deverá demorar cerca de 25 minutos.

- O casal escolheu o modelo Ascot Landau - uma carruagem aberta - que é tradicionalmente usada pela família real em eventos deste género, refere o Kensignton Royal. Para a ocasião foram escolhidos quatro cavalos da Windsor Grey Horses. Se chover o casal será obrigado fazer o percurso na Scottish State Coach: um coche fechado utilizado durante a celebração dos 90 anos da rainha Isabel II.

- O casamento vai contar ainda com a participação de 2640 membros do público que vão acompanhar o grande dia no exterior do Castelo de Winsdor e assistir à procissão de carruagem.

- Vão ser realizadas duas receções: uma no Castelo de Windsor e outra na Frogmore House. Segundo o jornal The Telegraph, a primeira é considerada a mais formal e foram convidadas 600 pessoas. A segunda, que vai ter lugar ao final da tarde e longe dos olhares do público, vai ser oferecida pelo Príncipe de Gales e contar com a presença de 200 dos familiares e amigos mais próximos do casal.

- O enlace vai ter lugar num sábado, quebrando a tradição real uma vez que o casamento da avó, dos pais e do irmão se realizaram durante a semana.

- Ao contrário do que aconteceu com outros casamentos, o dia do enlace real não vai ser declarado feriado nacional. De acordo com o site Pop Sugar, em causa está o facto de Harry ser sexto na linha de sucessão ao trono e este ser um evento menos formal.

- À semelhança do que aconteceu com o casamento de William e Kate, os noivos pediram aos convidados que, em vez de do tradicional presente de casamento, fizessem donativos a uma das sete instituições de caridade escolhidas por si.

- O Kensignton Palace informou que não há uma lista oficial de líderes políticos para o casamento, o que significa que o presidente Donald Trump, a primeira-ministra britânica Theresa May ou o ex-presidente Barack Obama não estão entre os convidados. Ao contrário do casamento de William e Kate, os noivos só vão convidar figuras políticas com quem mantêm uma relação de maior proximidade.

- A pasteleira Claire Ptak está encarregue de fazer o bolo de casamento que terá uma cobertura de buttercream, um famoso creme de manteiga, e será decorado com flores da época. Limão foi o sabor escolhido pelo casal.

- Fagus, bétula e carpino são algumas das plantas sazonais escolhidas para a celebração real que vai contar com peónias, rosas brancas e digitalis. Como adianta o Kensington Palace, os arranjos decorativos vão conter folhagens do The Crown Estate e Windsor Great Park.

- Aexi Lubomirski, o autor das imagens oficiais de noivado do casal, vai fotografar o casamento real. As imagens oficiais vão ser divulgadas pela Casa Real na semana a seguir ao enlace.

- Foi divulgado o The Instrument of Consent: um documento onde a Rainha dá o seu consentimento formal e autoriza o casamento entre o neto e Meghan Markle. Recorde-se que os seis primeiros membros na linha de sucessão ao trono - Harry é o sexto - precisam da autorização de Sua Majestade para se casar.

O que ainda falta saber

- Quem vai desenhar o vestido de noiva. Este é, talvez, um dos detalhes mais importantes do enlace e que ainda permanece no segredo dos deuses. Ralph & Russo, Alexander McQueen, Erdem e Inbal Dror são alguns dos estilistas que estão na corrida.

- Detalhes sobre as madrinhas e os pajens. Especula-se que Meghan Markle poderá ter várias madrinhas, cuja escolha deverá recair sobre a estilista Jessica Mulroney e a atriz Priyanka Chopra, refere o jornal The Telegraph.

- Detalhes sobre os votos de casamento e aliança. É provável que, à semelhança de Kate Middleton, a jovem não prometa obedecer ao marido nos seus votos de casamento. Ainda não se sabe se Harry vai usar aliança de casamento.

- Qual o título real do casal. A tradição diz que todos os membros masculinos da realeza devem receber de Sua Majestade um título no dia do seu matrimónio. Tal como refere o The Telegraph, tudo aponta que Conde de Sussex seja a escolha mais provável para Harry e que, desta forma, seja atribuído ao casal o título de Duques de Sussex.

- Quem vai atuar na receção e convidados famosos. Apesar de ainda não haver confirmação oficial, circulam rumores de que as Spice Girls se poderão reunir e atuar no casamento real. O cantor Elton John poderá ser outra possibilidade. A lista de celebridades que vão ao casamento também está no segredo dos deuses. David Beckham, Ellie Goulding ou Patrick J. Adams são alguns dos possíveis convidados.

- Destino da lua de mel. Os fãs acreditam que o continente africano é uma forte possibilidade para o casal ir de lua de mel. Se por um lado há quem aposte no Botswana, tendo em conta que o casal já lá esteve a passar férias e o anel de noivado de Meghan Markle ter um diamante oriundo deste país, por outro há quem fale na Namíbia.