Em destaque

Pipocas salgadas de espirulina

Não desanime com a ideia de adicionar espirulina às pipocas, porque se ainda não sabe, a espirulina é considerada um dos superalimentos com maior densidade nutricional do mundo.

Ingredientes

Óleo de Coco 1 colher de sopa
Milho para pipocas 1/2 chávena
Levedura nutricional 1 a 2 colheres de sopa
Espirulina 1 colher de chá
Tomilho fresco picado 1 colher de chá
Alecrim fresco picado 1 colher de chá
Sal rosa 1 colher de chá
Dente de alho finamente picado(opcional) 1/2

Preparação

Derreta o óleo de coco num tacho médio com fundo pesado em lume alto. Deite os grãos de pipoca e tape. Agite bem o tacho a cada dez segundos, enquanto estalarem, para não queimar as pipocas.

Quando parar de estalar, tire o tacho do lume e deite as pipocas numa tigela grande.

Polvilhe as pipocas com a levedura nutricional, a espirulina, o tomilho, o alecrim, o sal e o alho, se usar, e envolva bem para cobrir. Deixe as pipocas arrefecer um pouco e delicie-se!

Se sobrar algumas, pode conservá-las num recipiente hermético até três dias.

Esta receita é parte integrante do livro “Cozinha Radiante”, de Mafalda Pinto Leite.

Receita do parceiro
J.M.A

Em destaque

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.