Astrologia - Previsão ou Superstição

Para muitas pessoas, a Astrologia resume-se à leitura de uma previsão semanal, que supostamente deverá “acertar” naquilo que vai acontecer...

Quando se fala em Astrologia, é frequente que alguém pergunte sobre a eficácia das “previsões astrológicas”. A associação de ideias é quase imediata: Astrologia = horóscopos.

Para muitas pessoas, a Astrologia resume-se à leitura de uma previsão semanal, que supostamente deverá “acertar” naquilo que vai acontecer não apenas àquela pessoa em especial, mas a todos os que têm o mesmo signo.

Outros artigos de “previsão astrológica” falam sobre esta ou aquela configuração planetária, cuja “influência” implicará uma série de consequências: geralmente, um desfilar de terramotos, guerras, fomes e toda a espécie de acontecimentos catastróficos à escala mundial.

Esta abordagem, que muitos encaram de forma ligeira e divertida é, no entanto “horrorizante” para os que se empenham na correcta divulgação da Astrologia.

A Astrologia é muito mais que uma simples arte adivinhatória.

Se é certo que integra esta componente – que por ser a mais cativante é também a mais conhecida – é igualmente certo que a sua área de estudo é muitíssimo mais vasta e profunda.

A Astrologia estuda (como já referimos noutros textos) a relação simbólica do Todo com a Parte, ao longo do Tempo.

Veja a continuação do artigo na próxima página

O que procura?

Comentários