Foi esta quinta-feira executado o homicida Nathaniel Woods, condenado à morte pelos disparos fatais que fez sobre três polícias do estado norte-americano do Alabama.

A socialite Kim Kardashian, que se tornou ativista por este caso em particular, chora hoje a morte de um homem que já defendeu na Casa Branca e que, ainda hoje, afirma, “continua a ser inocente de um crime já confessado por outro homem”.

Através das redes sociais, a mulher de Kanye West já se referiu ao caso, tendo deixado a mensagem “descansa em paz Nathaniel”, no Twitter.

Recorde-se que Nathaniel Woods foi condenado a junho de 2004, pela morte dos polícias Carlos Owen, Harley Chisolm e Charles Bennett. Nathaniel encontrava-se em casa, juntamente com o colega de casa, na altura em que a propriedade foi invadida pelas autoridades na sequência de denúncias que davam conta de tráfico de droga praticado pelos dois homens norte-americanos.

Leia Também: Rob Kardashian está com uma profunda depressão, diz ex-companheira

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.