Com a designação de "Solo by  Rose Palhares", o desfile contou com a passagem de vinte modelos que apresentaram a nova tendência de roupa africana.

Num desfile em que predominou as cores vivas, com maior preponderância para o dourado, verde, azul e branco, a estilista mostrou roupas para gala e eventos caso-as em tecido e lã.

Durante o evento, Rose Palhares agradeceu a presença dos apreciadores da moda angolana, referindo que no desfile apresentou a nova tendência da moda africana.

A mesma considerou  que a moda africana é rica, mas ainda tem muito por se explorar, reconhecendo que o importante é ter começado.

O desfile teve quase vinte cinco minutos e contou com a presença de cerca de cem convidados.

Rose Palhares começou a dar os primeiros passos na moda no Brasil e actualmente conta com os  prémios de "Criadora do ano" no Modo Luanda (2013),  prémio "Estilista do Ano Internacional", no Angola Fashion Week/2015.