O SAPO foi para a rua saber o que as pessoas acham sobre esta prática e se o tom da pele é realmente um factor de diferenciação na sociedade angolana.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.