Com o objectivo de promover o intercâmbio entre criadores angolanos e estrangeiros, o AFW 2016, teve como tema “Palanca Negra Gigante” –, por ser uma subespécie invulgar de antílope,  que só pode ser encontrada em Angola, mais precisamente a província de Malanje.

O AFW começou com um desfile dos novos da escola de moda “Angola Fashion School”, em seguida Jeans Amopô, apresentou ao público tendências para o verão e o carnaval com corres vivas, enquanto as manequins desfilavam, dançavam ao mesmo tempo ao som do samba.
A marca Requinte & Lealdade, trouxe sensualidade,indumentárias para todas as situações do dia a dia. Um dos momentos mais altos da marca foi a presença especial da cantora Telma Lee, que  desfilou pela primeira vez.

A estilista são-tomense Antonieta Almeida, apresentou uma colecção euro africana. Já o criador angolano Didi pegou no tema do AFW2016,“Palanca Negra Gigante”, e usou-o como inspiração em jeito de homenagem.

Um elemento marcante no primeiro dia do desfile foi a surpresa do casal Pacaça Segunda e Vina Criolo com a marca “King & Queen”, inspirada no amor entre os casais.

A marca cabo-verdiana Exotrik com a vivacidade e variedade dos seus looks, assim como o português Gio Rodrigues com os seus trajes de gala, contribuíram para reforçar o cariz internacional do AFW2016.

Foram muitas as marcas a apresentar as suas coleções nos três dias do evento: Laud´S, Hellen Couture , Farruska, Lenny Nemeyer, Asuen Suetam, Boutique Irina´s By Irina Mirandela, Letícias´s by Gersy Pegado, By D.S, Wiltic, Cleópatra Tchitchi, Manzavat Nankhova, Wany Kiamy, Ronaldo Fraga, Felícia Mohatmam, Panzu´ss by Panziu´s, Hava by Hassie Oliveira, Nivaldo Thierry, David Tlale, Soraya da Piedade.

Os destaques de final do dia ficaram nas mãos dos criadores como Tom Ford by DuCarmo, Allex Kangala e Fiu Negro.

As modelos Sharam Diniz, Maria Borges, Débora Montenegro e a apresentadora e modelo brasileira Anna Hickmann, foram as convidadas especiais da presente edição do Angola Fashion Week.

Mais de 30 estilistas nacionais e estrangeiros, vários manequins e marcas do Brasil, Portugal, São Tomé, Moçambique, Cabo-verde e África do Sul, embelezaram a passerelle com requinte, elegância, glamour, cor, arte e cultura.

Mas também a música teve aqui o seu lugar, ficou a cargo dos artistas: Paul G, Lípsia, Laton, Chelsy Shantel, Nanuto e o grupo tradicional PT K no encerramento.

Depois do encerramento os designers, modelos, organizadores, artistas e o público prosseguiram para a maior festa de moda "Angola Fashion Party", onde a noite deu que falar.

Ana Kavungu

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.