Anastácio Filomeno foi eleito segundo mister, Hermenegildo Brito é o mister simpático, Albano Nunda, ficou com a coroa de mister fotogénio.
Djino da Rosa eleito Mister 2017, estudante universitário frequenta o 1º ano do curso de Gestão dos Recursos Humanos, no Instituto Privado Walinga, recebeu como prémio uma bolsa de estudo, corte de cabelo e ginásio durante um ano, perfume de boticária.

Em declarações à imprensa, Djino da Rosa disse que vai trabalhar para combater a fuga a paternidade e o consumo de droga na província, esperando contar com o apoio de pessoas colectivas e singulares.

O presidente do Comité Mister Moxico, Naurito Bote, disse que o candidato eleito vai representar a província no Mister/Angola 2018, pelo que está capacitado para tal.

O concurso foi testemunhado pelo governador provincial em exercício, Manuel Lituai.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.