Com a chegada do fim do mês de março, Harry e Meghan Markle viram finalmente cumprido o seu desejo que tinham referido anteriormente: tornarem-se independentes e afastarem-se do núcleo senior da realeza britânica. Na altura, o processo ficou conhecido como 'Megxit', com muitas pessoas a dizerem que Meghan tinha sido a principal impulsionadora. No entanto, segundo uma fonte do jornal britânico The Sun, Harry é que terá tido a ideia.

Segundo a mesma, Harry detesta o termo 'Megxit', porque dá a entender que a duquesa foi a única responsável pelo processo, detalhe que virá mencionado na sua biografia oficial - 'Finding Freedom: Harry and Meghan and the Making of a Modern Royal Family'.

"Essa palavra em particular sempre enfureceu o príncipe Harry. Dá a impressão que a decisão de se afastarem da família real foi da Meghan", disse a fonte à publicação.

"A verdade é que foi o Harry e conduzir a decisão. O livro vai deixar isso claro e vai explicar o que é que aconteceu", nota. Segundo a mesma fonte, Harry estava "infeliz há muito, muito tempo" e Meghan apenas "apoiou a sua decisão".

Importa notar que o livro será lançado no dia 11 de agosto.

Leia Também: Revelados novos pormenores de aniversário de casamento de Harry e Meghan

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.