Meghan Markle quebrou o silêncio acerca da morte de George Floyd, sublinhando que todas as vidas têm valor, e referindo que ainda não tinha comentado o assunto porque tem andado "nervosa".

Estas foram palavras dirigidas aos estudantes finalistas da sua antiga escola em Los Angeles com quem teve a oportunidade de falar através de um vídeo.

"A vida do George Floyd importava, a vida de Breonna Taylor importava, a de Philando Castile importava e a de Tamir Rice importava", afirmou, relembrando outras pessoas, também afro-americanas, que morreram às mãos da polícia.

Sobre a sua decisão em comentar o caso, a duquesa de Sussex referiu: "Não tinha a certeza do que vos poderia dizer. Queria dizer a coisa certa e estava muito nervosa por tomar um lado. Mas percebi que a única coisa errada era não dizer nada", fez saber.

De recordar que também esta semana foi recordado um vídeo de Meghan relativo a uma campanha contra o racismo em que participou antes de conhecer o príncipe Harry.

Leia Também: Vídeo de Meghan Markle a falar sobre o racismo torna-se viral

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.