Khloé Kardashian afirma que o ex-namorado Tristan Thompson tentou beijá-la momentos antes da festa de aniversário da filha, em abril.

A figura pública, de 35 anos, separou-se do jogador de basquetebol depois de este beijar Jordyn Woods, amiga da família Kardashian, durante uma festa, em fevereiro.

Ao falar sobre o assunto num episódio de 'Keeping Up with the Kardashians', este domingo, dia 8 de setembro, Khloé começou por confessar que não estava a pensar convidar o pai da sua filha para o aniversário da menina porque ainda estava "magoada" com a traição.

"Ainda não conversei com o Tristan pessoalmente. E, neste momento, não estou pronta para isso. Sei que vou chegar lá. Mas neste momento é realmente desafiador e difícil para mim. Eu tive que bloquear o Tristan porque estou realmente cansada. Sinceramente, não o quero na festa da True e isso não é errado, certo?", partilha a celebridade.

Mas acabou por convidar o 'ex', depois da sua mãe, Kris Jenner, insistir que não era justo mantê-lo longe da vida da filha.

Khloé e Tristan encontraram-se longe das câmaras um dia antes da festa de aniversário da menina, numa tentativa de resolver tudo, e agora a celebridade revela que o 'ex' tentou beijá-la.

"Ele perguntou-me se podia dar-me um abraço. E eu abracei-o. [...] Ele tentou beijar-me e eu disse: 'Este é o teu problema. Não podes simplesmente aceitar o que recebes'", recordou. "Só quero que ele saiba: Estou a convidá-lo porque é o pai da True e acredito que devia estar presente", acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.