Através de uma publicação no Instagram, Preto Show informou que, embora pareça pouco diante das dificuldades do lar, os donativos arrecadados na venda do novo álbum vão certamente mudar a situação. De realçar que o lar carece de bens alimentares, remodelações, ventiladores e energia eléctrica.

Preto Show garantiu, em conversa com o SAPO, que a sua missão ainda está por se concluir... E só estará satisfeito após a ver o lar devidamente remodelado.

“Amor paga-se com amor, deu-me lágrimas nos olhos, mas Deus vai vos abençoar-vos sempre. Amor de criança não tem igual”, disse o artista numa das publicações.

Acrescentar que o artista elogiou o grande responsável do referido lar pela forma como tem prestado atenção as às noventa crianças. “Este é um homem de verdade, não é fácil cuidar destas crianças abandonadas. Pastor, eu te respeito-te muito, és um pai de verdade. Eu, como pai de 3 três, não me aguento e o pastor que cuida de 90 crianças? Nunca na minha vida vi um homem com essa força”, declarou.

Sobre este passo, Biura relembrou a polémica "Um litro de arroz", que de certo modo ajudou a que as pessoas partilhassem o projecto pelas redes sociais: “Faz-nos bem dar um pouco do pouco que conseguimos. Não há aqui poesia, há factos. A falha 'Um litro de arroz' serviu para os magalas partilharem e a mensagem girou. Obrigada a todos que ajudaram”, disse.

De recordar que o álbum “Clepatia” foi apresentado aos fãs dos artistas no passado dia 2 de Setembro do ano em curso, com 13 faixas musicais.