Uma coisa é certa, sexo casual pode ser excelente, mas sexo com quem se gosta é fora de série. Quando já há bastante intimidade e cumplicidade, quando se sabe do que o outro gosta, quando se é altruísta na cama, quando se sabe instruir o parceiro subtilmente, é claro que o sexo tem tendência a ser muito bom.

A penetração e a masturbação ganham outro encanto quando vêm carregadas de olhares cúmplices, carícias nas costas, beijos apaixonados, abraços, enfim... e por isso estas posições não podiam ser melhores.

(imagens: taofeminino)