Workshop sobre alimentação saudável na oncologia debate os benefícios da múcua

A alimentação na oncologia e os benefícios da múcua estiveram em destaque no workshop “Saúde & Alimentação Saudável” na oncologia, que decorreu este domingo, 21 de Maio, no Hotel Skyna, em Luanda.

mucua

Segundo o comunicado de imprensa, A iniciativa do Standard Bank de Angola, em parceria com a Liga Angolana Contra o Cancro (LACC), contou com a presença de Angelina de Sales, nutricionista e investigadora em alimentação angolana, André Panzo, presidente da LACC, Albertina Manaças, oncologista clínica no Instituto Angolano de Controlo do Câncer e mais de 70 participantes.

Angelina de Sales, oradora principal neste workshop, explicou que uma alimentação saudável é aquela onde estão presentes todos os grupos alimentares, "primando pela qualidade do alimento e não pela quantidade, sem dar tanto ênfase nas calorias do alimento mas sim na riqueza nutricional, modo de preparo, distribuição no cardápio, praticidade e o custo".

Durante o evento foi apresentada a farinha de múcua integral, muito rica em fibra, vitamina C, cálcio, ferro e potássio, com uma baixa concentração de sódios e rica em fósforo, cujo consumo se recomenda até 40 gramas por dia após os 4 anos de idade. "Um alimento prático e nutritivo que pode ser consumido na forma de sumo, gelado, mousse e papa, entre outras aplicações, bem como na substituição parcial da farinha de trigo nas massas de pão, bolos, bolachas e tartes", adiantou a nutricionista e investigadora em alimentação angolana, que desenvolveu esta farinha.

Para Jelson Gaieta, coordenador de comunicação e responsabilidade social do Standard Bank de Angola, "o banco tem uma política muito forte para a responsabilidade social, que prioriza as áreas da Saúde e Educação, sendo parceiro da Liga Angolana Contra o Cancro há três anos através do apoio às mais diversas acções".

Comentários